01/02/15

Senhora?

O sol já despontara e Mariana acordara cedo como de costume, mas naquela manhã sentia-se um
pouco abatida! Necessitava de ajuda para se arranjar, porque a idade não perdoava, e não vislumbrava ninguém! Dirigiu-se para o toilete e, conforme pôde, aprontou-se. Ao sair, viu o mordomo que passava e disse-lhe:
– Venha cá, ó Freitas!
– Que deseja, senhora? – respondeu ele submisso.
– Ajudas-me a descer?
– Por quem é, senhora!
E dando-lhe o braço gentilmente, encaminhou-a para tomar o café!

Emília Simões, 63 anos, Algueirão-Mem-Martins
Desafio nº 83 – texto sobre imagem de Francisca Torres

Mais histórias aqui: http://ailime-sinais.blogspot.pt/

Sem comentários:

Publicar um comentário