13 janeiro 2016

Anjo da noite

Protógenes protestante recuperava aqueles protótipos de gente da Cracolândia. Sempre desprotegido mesmo alertado. Protagonizava protetor deles, protestava contra autoridades, que lhes negava proteção. Apoio somente de um protético com próteses simples recuperando o sorriso dos zumbis.
João das proteínas perigoso traficante da área protocolava ameaças lançadas na porta da igreja.
Numa noite chuvosa o protuberante destemido campanga Proteu surgiu no beco armado. Protógenes congelou levou a mão direita no bolso.
Bang Bang!  
Um corpo tomba na noite.

Toninho, 59 anos, Salvador, Bahia, Brasil

Desafio nº 102 – muitas palavras com PROT

Sem comentários:

Enviar um comentário