30/09/17

Quita Miguel - desafio nº 126

Intermitente
– Eu sinto-o intermitente.
– Hã?
– Às vezes, concorda com o que lhe proponho, para, logo a seguir, se contradizer e negar ter concordado com o que quer que seja.
– Qual é a novidade? Ele sempre foi estranho.
– Não como agora. Pressinto que desta vez seja uma situação terrivelmente ameaçadora – respondeu Fátima Conceição, com uma convicção que a amiga estranhou, ao mesmo tempo, que olhando o pai na cadeira de baloiço, acrescentou: – Acho que ele pode estar com Alzheimer.
Quita Miguel, 57 anos, Cascais
Desafio nº 126 – sentia-se intermitente
Faça aqui o download do conto «Sonho Esventrado» 


Sem comentários:

Publicar um comentário