27 maio 2018

Ester e Inailer ― desafio RS 39

Ester, és o meu eterno mundo
És tudo o que existe de belo
que existe dentro de mim
como flor diferente
Por ti, sou sofredor
tenho dor e fogo
Tenho fogo de vencedor
e medo de perdedor
És o meu impulso
de querer viver feliz
como codorniz
que se soltou do enleio
És flor do meu deserto
És fogo do meu inverno
És luz do meu mundo
És o meu tudo
Vem, vem, docinho,
Pro teu ninho.
Ester e Inailer, Licenciatura em Língua Portuguesa, 4.º ano, Instituto Superior Politécnico (ISP) – Universidade de São Tomé e Príncipe (USTP), prof Lurdes Ferreira
Desafio RS nº 39 – história de amor sem A!

Sem comentários:

Enviar um comentário