25 julho 2018

Maria Loureiro ― desafio 100


Sou leitora compulsiva, menos acelerada atualmente, quando começo a regressar aos escritores com que cresci. Também as horas de trabalho ao computador cansam e condicionam esse gosto. Adoro o cheiro dos livros, folheá-los, lê-los emprestados da biblioteca, ou trocados com amigos. Quando estou mais nostálgica, ou algo me choca, alinhavo algumas palavras, invariavelmente apagadas ou rasgadas. Serei capaz de mudar isso? Em hora feliz encontrei as “histórias em 77 palavras” e foi por isso que me escrevi.
Maria Loureiro, 63 anos, Lisboa
Desafio nº 100 – «e foi por isso que me escrevi»

Sem comentários:

Enviar um comentário