19/09/18

Diário 77 ― 90 ― Semáforos

"Odeio os semáforos!", livro de crónicas António Lobo Antunes

O trânsito parecia decidir por mim: não iria chegar a tempo. Ainda pensei: “odeio os semáforos!”, seria verdade? Não só não pretendia encontrar-te, como teria detestado despedir-me de ti. Fora uma relação breve, estranha. Não chegara a ser nada. Quando o verde apareceu, acelerei. O coração também. Uma vertigem levou-me para a tua rua. Vi-te, parado no semáforo que se pôs verde para te permitir saíres da minha vida. “Odeio os semáforos”, repeti, desta vez a sério.
Margarida Fonseca Santos
Desafio nº 15 com frase retirada de um livro