17/12/18

Catarina P ― desafio 157


Um dia, subitamente, surgiu, em mim, um prazer invulgar. Prazer esse que me fez sentir viva, feliz e aberta a embarcar em diversas aventuras. 
Senti uma liberdade imensa! Mas que imprudência seria aquela?  
As festividades estavam a iniciar-se e eu a delirar. Mas, afinal, que se estava a passar? Cada vez mais a agravar-se. Precisaria de ajuda? Sem dúvida!  
Pesquisei, achei, pensei, argumentei, presumi. Enfim, era uma perseverança que guardava em mim. Aguentaria eu ser valente? Imaginei.  
Catarina P., 12 anos - Colégio Paulo VI, Gondomar, Prof.ª Raquel Almeida Silva
Desafio nº 157 ― hist de coragem sem O

Sem comentários:

Publicar um comentário