24/09/19

Helder Bernardo ― desafio 35


Tudo o que vem é grato – dizia Ivo! Quando o vento dançava, saíam-lhe notas musicais do coração, porque era assim que o ar libertava os pensamentos.
Após o vento Sul, saudava a chuva milagrosamente – Ivo lembrava-se dos momentos em que cerrava os olhos na alma, voltando lavado em lágrimas. Formava-se um oceano de serenidade.
Quando o Sol insistia na agitação da natureza - Ivo não perseguia os apressados, guiava-se pelo instinto dos gatos, que buscam o sol quando há sol.
Helder Bernardo, 58 anos, Sines
Desafio nº 35 – partindo de dois versos de autor

Sem comentários:

Publicar um comentário