20/10/19

Isabel Sousa ― desafio 188

A cabeça de Ricardo tremia, ao lembrar-se de tantas injustiças. Cada passo, cada palavra, ou cada pensamento, faziam-no relembrar os pavorosos acontecimentos. Era algo que jamais poderia esquecer – coração filial, dilacerado pela espada da separação.
estremecimento da culpa era inquestionável, fora mandatado. Contudo, o arrependimento dominava-lhe a existência. Todos os seus movimentos eram geometricamente controlados – o medo dominava-o.
Quando sentia a esperança do regresso, os olhos agigantavam-se, o pensamento equilibrava-se, doando um largo sorriso ao mundo.
Isabel Sousa, 38 anos, Lisboa 
Desafio nº 188 ― sílabas de estremecimento

Sem comentários:

Publicar um comentário