22/10/19

Theo De Bakkere ― desafio 188


O anel de duendes
De repente ouviu-se uma ululação demorada. Avó espreitava com medo através das cortinas nas trevas. Não era a única com angústia. O gato escondera-se, e a cadelinha começava a uivar junto com esses seres mortos na mata. Embora avó quase morresse de pavor, não falaria a ninguém sobre o acontecimento atroz.
Também guardava silêncio quando os netos, sem estremecimento, zombaram de bruxas e do anel de duendes que viram na clareira. Porém, avó sabia efetivamente: fantasmas existem.
Theo De Bakkere, 67 anos, Antuérpia Bélgica
Desafio nº 188 ― sílabas de estremecimento

Sem comentários:

Publicar um comentário