14/05/20

Tomás P. ― desafio 26

Um dia destes, pus-me a pensar e cheguei à conclusão que te deveria fazer uma dedicatória. Acho que mereces, pela paciência que tens tido para me aturar. Estou muito grato por ter uma mãe como tu! Adoro-te!
Minha mãezinha, este poema te quero fazer
és a melhor mulher da minha vidinha
isso não tem nada que saber.
Continuo a pensar que és a que mais me quer bem
amo-te muito de coração e sei que tu também.
Tomás P.,13 anos, 8ºano, AE de Alandroal, profs Cristina Lourenço e Vera Saraiva
Desafio nº 26 – dedicatória para alguém

Sem comentários:

Publicar um comentário