31/05/20

Verena Niederberger ― desafio 209

Sei que o vírus de mansinho chegou.
Pouco a pouco se instalou.
Nem sei direito como tudo começou.
Não sei como me contaminei.
Prostração, mal estar senti.
Também sei que a febre e tosse teimavam em permanecer.
Médica, desde o início, me acalmou
Era necessário repouso fazer.
A calma era, fundamental, manter.
Fui me recuperando devagar.
Só sei que, depois de um tempo, me curei.
Nunca sei o que para pessoas dizer.
Que não querem isolamento fazer.
Verena Niederberger, 69 anos, Rio de Janeiro - Brasil
Desafio nó 209 – ritmo do texto SEI

Sem comentários:

Publicar um comentário