18/06/20

Elsa Alves ― desafio 24


Certa tarde, encontraram-se as duas amigas melgas numa mesa da esplanada. Que visão maravilhosa: restos de bolos, copos meio-cheios ― um banquete totalmente inesperado.
― Belo lanche, não achas, gorda?
― Bom, não são precisos insultos, magricela!
E uma e outra, atiraram-se ao que mais lhes agradava. Aproximou-se o empregado, sem que elas reparassem nele. A levezinha levantou voo, facilmente, mas levou uma palmada tão forte que a deitou abaixo. Bem fez a gorda que se escondeu debaixo do guardanapo...
Elsa Alves, 71 anos, Vila Franca de Xira
Desafio nº 24duas melgas à conversa, uma gorda e outra escanzelada

Sem comentários:

Publicar um comentário