24/07/20

Helena Rosinha – desafio 214

— Faz as letras do meu nome!  Agora as letras do pai e da mãe!
Em cada folha um nome, um desenho para enfeitar as paredes do quarto.  São a sua paixão: letras e desenhos. 
— Mãe, o céu, tão grande, só tem estas letras??? E mar, que nome tão pequenino… depois, às vezes eles zangam-se!!!
— Pois zangam, revoltam-se com tanta barbaridade… olha, esta palavra tem muitas letras.  Já, “dor”, que pode ser enorme, também é pequenina… 
— E Amor?
Helena Rosinha, 67 anos, Vila Franca de Xira
Desafio nº 214 – à volta da palavra letra»

Sem comentários:

Publicar um comentário