13/10/20

Fernanda Malhão – desafio 148

Lutar contra o sono

Espremia a bisnaga na tentativa de tirar a última gota daquela pomada que tinha sido remédio santo, só ela lhe trouxera alívio para a comichão. Teria de volta o descanso, atirou-se para a cama, finalmente dormiria uma noite inteira. Mas logo toca o despertador, ele entra em negação, não era possível, fez um grande esforço para se levantar da cama. Foi uma luta voraz entre o corpo e a razão, mas a vitória foi para a razão.

Fernanda Malhão, 44 anos, Gondomar

Desafio nº 148 ― associação de palavras (bisnaga)

Sem comentários:

Publicar um comentário