04 abril 2017

Carla Silva ― desafio escritiva nº 18

A noitada
Maria, rapariga desembaraçada e solicita, não tinha boa cara.
― Uma má noite?

― Nem te conto! Primeiro um cão: ÃO ÃO ÃO. Depois uma correria: CLAP, CLAP, CLAP. Segue-se umas latas a cair: CRÁS! Como se fosse pouco: DING, DONG, DING, DONG, a campainha do vizinho. Ao que se junta a torneira da cozinha que pinga: PING PING PING! Para terminar em beleza o maldito relógio novo: TIC-TAC, TIC-TAC, TIC-TAC...
― Que noite animada tiveste!
― GRRR! Nem me lembres!
Carla Silva, 43 anos, Barbacena, Elvas

Desafio Escritiva nº 18 ― onomatopeias na história

Sem comentários:

Enviar um comentário