29 setembro 2017

Domingos Correia - escritiva 24

O pobre corcunda
Um pobre corcunda fez uma viagem. De noite, subiu a um carvalho. Por baixo, vieram pernoitar uns ladrões, cantarolando: segunda, terça, quarta, quinta, sexta!
O corcunda repetiu a cantilena… os ladrões mandaram-no descer, deram-lhe muito dinheiro, tiraram-lhe a corcunda.
Depois, contou tudo ao seu irmão rico que, ganancioso, o quis imitar.
Vieram os ladrões cantando a mesma lengalenga…
Julgando-se esperto, acrescentou à cantarolice… sábado e domingo também…
Os ladrões olharam-no, esmurraram-no e puseram-lhe a corcunda do irmão.
Domingos Correia, 59 anos, Amarante

Escritiva nº 24 - mini histórias da infância

Sem comentários:

Enviar um comentário