01/06/12

Esc B. e Secundária de Fajões e o desafio


No futebol sou o número 7, marquei 7 golos em 7 jogos . Fui expulso 7 jogos apanhei outros 7 de suspensão.
Ficámos em primeiro com 7 vitórias, com 7 golos sofridos, 29 marcados.
Subimos de divisão e conseguimos alcançar 500 vitórias e nunca perdemos. Chamamos o Ronaldo que era primo do Arnaldo que gostava muito de peixe e esperemos que o futebol não deixe. Finalmente o guarda-redes que não costuma lavar as paredes ganhou o título.
Bruno Aguiar e Hugo Correia


Eu tenho sete gatos, cada um com sete cores…
O sétimo gato é o mais brincalhão e o primeiro o mais trapalhão.
Gostam de brincar com os seus novelos de lã todos com várias cores.
Todos juntinhos e aconchegadinhos.
Tenho sete gatos, porque gosto do número sete, pois o arco-íris tem sete cores e há sete maravilhas do mundo.
É uma aventura brincar com tantos gatinhos, adoro todos da mesma forma e são os meus sete amiguinhos.
Ana Almeida, Filipa Costa, Mariana Pinho, 8ºB , Escola Básica e Secundária de Fajões

Observei a minha casa, tinha sete janelas. Olhei para uma delas e vi o céu, estava a chover, estavam lá sete gotas, era sete horas e no céu ali estavam sete estrelas.
Fui comer sete ervinhas com frango. Tenho sete irmãos e todos eles comeram o mesmo que eu.
Eram horas de ir para a cama, não tinha sono, contei sete ovelhas. Por fim adormeci. Sonhei que era princesa e tinha um reino, era rica e feliz.
Escola Básica E secundária De Fajões
Realizado por: Daniela Costa, Ana Teixeira e Raquel Costa


Havia um torneio que se chamava “Torneio das sete equipas”.
Esse torneio teve início no dia sete de Agosto, pelas sete da tarde.
Cada equipa era constituída por sete jogadores.
No primeiro jogo do torneio, o jogador número sete foi expulso por cometer sete faltas, na zona de meio campo.
O jogo final foi muito competitivo, pois os sete jogadores da equipa da escola básica e secundária de Fajões conseguiram ganhar o torneio, que foi muito divertido.
Realização: Miguel Pinho, Joel Santos, Rafael Pinho-8ª-E.B.S de Fajões


Hoje acordei cedo, olhei para o relógio eram sete horas.
Entrei na sala, reparei que estavam sete alunos, não era normal pois somos vinte.
Era o meu dia de azar, porque a professora ia entregar os testes, fiquei a saber que tinha tirado sete por cento.
Saí para o recreio, reparei que sete funcionárias estavam a olhar para mim, tinham descoberto que reprovei sete vezes.
Cheguei a casa, mostrei o sete por cento e levei sete palmadas.
Trabalho realizado por 8º A: Cristiana Vieira, Ana Oliveira e Diana Pereira     Escola : Escola Básica e Secundária de Fajões.


No dia sete de Julho, conheci a autora da coleção "7 irmãos".
Achei-a muito divertida e sincera. Gostei dos nomes das sete personagens.
No dia seguinte, recebi uma notícia: no teste tinha tirado 77% a sete disciplinas.
Os meus sete melhores amigos ficaram muito surpreendidos, como não poderia deixar de ser.
Eu ganhei uma aposta de sete euros. Comprei seis gomas, cinco chupas e um jogo que custou sete euros, este foi um dia em cheio, e adorei-o. 
Marcelo Pinho 8ºA Escola Básica e secundária de Fajões.   

Sem comentários:

Publicar um comentário