12/08/13

Ares de conquistador

Dando-se ares de grande conquistador, de reputação nunca desmentida pelos pares que, à sorrelfa, dele desdenhavam, dardejava chispas de segurança, ancho de convencimento, ao decorrer pelos caminhos largos da povoação.
O dono, um jeitoso molengão, que dormitava a maior parte do tempo, desmentia os apodos ao seu fiel. Ambos se debatiam em defesa recíproca contra as maledicências alheias.
E assim decidiram que, Farrusco, o nosso herói, decretaria a atalaia do seu senhor, enquanto ele deslizava pelas brasas.

Elisabeth Janeiro, 68 anos, Lisboa


Desafio Rádio Sim nº 4 – todos os verbos com uma destas letras O, L ou D (só uma!)

Sem comentários:

Publicar um comentário