22/12/15

Deixa tudo passar

Passa a tempestade, passamos nós, e o tempo quase insano entre chuva e torrentes de paixão revolve a vida. E o vento sopra quase em desfavor, retirando de nós, e da rua qualquer esperançar...  Será?
Mas e se o sol voltar, com seu vermelho alaranjado?
E nosso céu azul ficar?
amor tem dessas coisas...
Então: Deixa a chuva passar, o tempo abrir, abramos a janela e os horizontes de certo se abrirão, veremos vida em profusão!

Roseane Ferreira, Estado do Amapá, Macapá, Extremo Norte do Brasil
Desafio Escritiva nº 3 – texto com: chuva, vento, amor, azul, vermelho e rua