12 janeiro 2016

Inverno

Uma fria tarde. Uma chávena de café. Um ecrã de computador e todos os minutos que eu quiser para conseguir um bom relato. Fora o pior tempo do mundo. Umas nuvens azuis estão a ameaçar chuva. Mas dentro da casa um confortável fogo vermelho que aquece o quarto. A rua está tranquila e continuará a estar. O vento causa um ruído surdo. Não há ninguém, as ruas estão desertas. Isto é o inverno. Vida em casa, quietude.

María Cinta Jerez Hernández, 19 anos, Ciudad Rodrigo, prof Paula Pessanha Isidoro

Desafio Escritiva nº 3 – texto com: chuva, vento, amor, azul, vermelho e rua

Sem comentários:

Enviar um comentário