30 janeiro 2018

Desafio nº 134

Vou dar-vos duas frases, uma delas com um espaço em branco.

Chegou demasiado tarde. A/O _____________
não esperara por si.

Nesse espaço, pode estar a palavra que quiserem, por exemplo: a vida; o emprego; o amor; a oportunidade; o entusiasmo; o destino; a surpresa; etc. etc.
Que história surge começando por estas frases?

Eu escolhi «a solução»:
Chegou demasiado tarde. A solução não esperara por si. Levada pela mão de outro, para um sítio desconhecido. Embora conhecesse bem a floresta, não fazia ideia de quem se apoderara da solução. Isso seria uma moinha constante nos pensamentos. Não, a moinha era: porque se atrasara? Por puro desleixo, concluiu. Ouviu então o uivo da raposa. Caía atordoada pelo veneno. O esquilo sacudiu o terror. Compreendia tudo: atrasara-se porque a solução para a fome era verdadeiramente duvidosa.
Margarida Fonseca Santos, 57 anos, Lisboa
Desafio nº 134 ― «Chegou atrasado…»

OUVIR

10 comentários:

  1. Adorei o desafio e tua inspiração Realmente era duvidosa a solução,rs... beijos, já mandei a minha! chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se soubesses o tamanho que tinha!!! Foi corte e costura a sério... Obrigada.
      Um grande beijinho

      Eliminar
    2. E tão ..desafiante esse trabalho de corte, nunca imaginei, é um processo muito enriquecedor... vou começara pensar numa história beijinhos :)

      Eliminar
    3. No fundo, é o verdadeiro trabalho na «arte de escrever» - editar até ficar bem.
      ;) Um grande beijinho

      Eliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Adoro lê-la.
    O meu também já foi.
    Obrigada, Margarida, por nos cuidar tão bem.
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Célia, um grande beijinho
      (daqui a pouco já lá vou)

      Eliminar
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  5. Boa noite, querida Margarida.
    Sua história ficou genial.
    Gostei demais!
    Te mandei Email com a minha.
    Um beijinho carinhoso
    Verena,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, querida Verena.
      Vou já tratar disso, um grande beijinho

      Eliminar