27/02/18

Diogo Linhan ― desafio RS 47


O Bárbaro, místico e trapalhão tinha cometido o primeiro crime: foi terminar o ano a roubar no banco quatro grandes notas, porque estava falido. Ele entrou oculto porque usava um xaile mágico impossível de detetar dos dedos dos pés à cabeça. Ele não sofria de solidão, tinha dois amigos: o Jaguar e a Varejeira, e ainda um rival que lhe dava zanga, o Urso porque vivia em hesitação constante. O Bárbaro pregava-lhe lamparinas para o espicaçar. Splash!
Diogo Linhan, 6ºB, 11 anos, Olhão, Escola EB 2/3 Professor Paula Nogueira, Prof.ª Cândida Vieira
Desafio RS nº 47 – 23 palavras obrigatórias!


Sem comentários:

Publicar um comentário