24 abril 2018

Paula Castanheira – Escritiva 31

Estava cansada de ser a certinha da família! Todos sabiam o que podiam esperar de Alice. Na escola sempre alinhada com as matérias e com o quadro de honra. Já adulta era funcionária exemplar, pontual e prestável. Tinha a rotina sulcada nos dias e o coração batia-lhe ao ritmo dos ponteiros do relógio.
Os pensamentos levaram-na para longe dali e quando se apercebeu estava no autocarro errado, iria chegar atrasada, mas pela primeira vez, não se importou!
Paula Castanheira, 54 anos, Massamá
Escritiva 31 – erros nos transportes

Sem comentários:

Enviar um comentário