24 maio 2018

Filomena Galvão ― escritiva 32


— Avó,  tenho que fazer um trabalho de casa sobre um animal.
—  Só isso?
—  Não. Tem que ser mamífero, vertebrado e  do continente africano e a mim coube-me a letra G —  a inicial do meu nome.
—  O que achas que pode ser, avó?
—  Uma gazela, uma girafa, um gorila...
— Mas esses toda a gente conhece, prefiro outro que seja  estranho.
— Então faz sobre o guepardo, o gnu-azul ou o gnu-preto.
—  Obrigada, avó — o gnu é uma boa opção.
Filomena Galvão,​ 57 anos, Corroios​
Escritiva nº 32 ― um GNU na história

Sem comentários:

Enviar um comentário