24/09/18

Elsa Alves ― desafio RS 37

Em novo fora utilizado por mão hábil, esboçando retratos, sombreando paisagens, em folhas brancas. O seu dono era verdadeiro artista e, com a sua ajuda preciosa, conseguiam desenhos perfeitos. Um dia viu-se posto de lado, substituído por outro. Velho, gasto, foi atirado para o chão, sem piedade. Inesperadamente, agarrou-o uma mãozinha de criança. "Pai, posso ficar com este lápis pequenino? É mesmo bom para as minhas primeiras letras." Afinal o seu fim de vida não seria triste...
Elsa Alves, 70 anos, Vila Franca de Xira
Desafio RS nº 37 – o lápis caído no chão

Sem comentários:

Publicar um comentário