24/09/18

Helena Rosinha ― escritiva 36


Ponto de Geometria de surpresa. Detesto! Não estudei…
Questão um – “Defina ponto”.
Esmero-me na redacção – (dois pontos):
“Conjunto de questões para fazer o ponto da situação das aprendizagens”.
Bem fácil, afinal, basta raciocinar. O professor, sempre de ponto em branco, saiu-me cá um ponto… Seguem-se questões mais complicadas, exigindo conhecimento a um ponto que não atinjo.
Avaliação? Zero pontos! Sorrindo, o professor lê alto a minha resposta. Risota geral.
Humilhada, fiz ponto de honra, aguentei-me sem chorar.
Helena Rosinha, 65 anos, Vila Franca de Xira
Escritiva nº 36 ― os «pontos» na história

Sem comentários:

Publicar um comentário