16/09/18

Marta Sousa ― desafio RS 31


Comecei o dia com um furo e o reboque a moer-me juízo. Estava a puxar a maçaneta da porta, o chefe apanhou-me para falar de um problema e me massacrar pelo atraso, enquanto ria-se Ana Bispo. Senti um peso no estômago, como tivesse uma pedra e mo deixasse todo torcido. Pedi para me trazerem o almoço, mas trouxeram-me uma caixa com um conteúdo indecifrável, os palermas. Contentei-me com o livro escondido na minha secretária para me abstrair.
Marta Sousa, 32 anos, Barreiro
Desafio RS nº 31 – 14 palavras com ordem imposta

Sem comentários:

Publicar um comentário