30 novembro 2018

Andreia Neves ― desafio 156

Era uma vez um cão que deambulava diariamente nos jardins de uma vila. Ora num, mais agreste, ora noutro, mais verdejante, atravessava cada jardim em busca de novidades: uma flor, um amigo súbito, um cogumelo rebelde nascido num lugar inimaginável, um osso esquecido, um raio de sol que atravessava a folhagem densa… A verdade é que, nessas deambulações, não havia dia em que não encontrasse algo que não o deixasse feliz, e era esse o seu lema. 
Andreia Neves, 51 anos, Oeiras
Desafio nº 156 – hist de animais sem P

Sem comentários:

Enviar um comentário