07/04/19

Carla Silva ― desafio 163


Viver na cidade
Desproporcionalidade. Era assim que ela via o viver na cidade.
As pessoas, na sua maioria, viviam num corropio 
diário, madrugando para conseguir pagar as contas. Nem podiam propor comprar algo desnecessário pois sabiam que juntamente à alegria momentaneamente proporcionada vinham outras preocupações. Mas havia quem não hesitasse em se despedir de alguns euros, a quantidade dependia da personalidade de cada um. Muitas vezes pensava se ganhasse um bom ordenado se ela também viveria assim, de forma despreocupada. 
Carla Silva, 45 anos, Barbacena, Elvas
Desafio nº 163 ― palavra grande gera mais 6

Sem comentários:

Publicar um comentário