05/06/19

Grandes miúdos em destaque

Quando o rapaz viu a maçã,
observou-a muito bem.
Como ela era linda,
linda de pasmar!
E de pasmar foi o gesto que ele fez
ao dar a maçã, 
maçã que ofereceu,
ofereceu a um ser,
um ser diferente,
mas melhor que muita gente!
Pelo menos não…
… não desrespeitava, não poluía, não troçava dos outros, não rebaixava, não estragava, não incomodava... 
Mas quem era esse ser? ― todos ali perguntavam. 
Pois esse ser era…
... era um magnífico animal!!! 
Rita V., 5ºB, Escola Dr. Costa Matos, Gaia, prof Cristina Félix
Desafio nº 35 – partindo de dois versos de autor
Álvaro Magalhães "O mesmo rapaz de sempre"

Era uma vez uma menina que passeava pela rua com um lindo sorriso. Por cima dela passou um pássaro que ela nunca tinha visto com penas lindas parecidas com fogo. De repente o pássaro caiu devido à rajada de vento repentina. A rapariga com pena dele foi a correr ajudá-lo. Quando o pegou sentiu uma sensação a filtrar-se pelo seu sangue. Desde esse dia ela sentia um sentimento estranho dentro de si e nela descobriu a magia.
Lara S. e Matilde C., AE D. Lourenço Vicente, prof Rosalina Simão Nunes
Desafio nº 1 – palavras impostas: pena, sorriso, fogo

Sem comentários:

Publicar um comentário