12/08/19

Odília Baleiro ― desafio 181

Anoitecia no oriente. O sol deslizava para o outro lado do mundo, vestindo cores laranja, vermelho, azul, pincelando a areia e o mar do imenso Pacífico. Lindo quadro, se fosse pintora... Cenário próprio para a meditação. A leitura ficaria para outra hora, junto dum amigo, um bom livro. Era a hora do mosquito e as picadas já deixavam marcas. Agarrei no farnel, quando vi o creme do queijo da Tasmânia a escorrer dentro do meu saco favorito. 
Odília Baleiro, 64 anos, Gold Coast, Austrália 
Desafio nº 181 ― sequência imposta sem praia

Sem comentários:

Publicar um comentário