12/06/20

Tomás P ― desafio 174


Eram exatamente quatro da manhã quando eu estava na rua. Estava a ir para casa quando, de repente, vi uma sombra a aproximar-se de mim. Senti um braço no pescoço e um joelho nas costas e fiquei deitado no chão. Já desesperado perguntava “O que é que eu fiz?” “Larguem-me! Sou muito novo, tenho uma vida pela frente! Por favor!” Passados uns segundos, chegou alguém e conseguiu deter aqueles tipos, salvando-me a vida. Fiquei aliviado. Muito obrigado!
Tomás P., 13 anos, 8ºano, AE de Alandroal, profs Cristina Lourenço e Vera Saraiva
Desafio nº 174 ― história de Bullying

Sem comentários:

Publicar um comentário