04/02/15

Não atendes?!

Isto é que é uma vida! Uma pessoa desgasta-se e a malvada não me atende o telefone! Vou escrever-lhe.
Olha lá, ó rapariga, por onde andas? Andas a passear o cão, vais ao cabeleireiro... Aproveita o sol, mas ó caramba, diz qualquer coisa. Não me digas que não tens tempo para dar notícias! És uma ingrata...
Laurentina, poupa-me... Agarra numa esferográfica e diz alguma coisa!
Eu já gastei as letras todas! ‘Tás a perceber? Estou-me nas tintas!

Leonor Costa, 73 anos, Lisboa

Desafio nº 83 – texto sobre imagem de Francisca Torres

Sem comentários:

Publicar um comentário