25/01/18

Gonçalo Moreira ― desafio RS 47

Terminei o meu crime em casa da varejeira com a companhia do urso e do jaguar, que usava um xaile grande e místico, como se fosse um bárbaro rival que estava falido.
Numa atrapalhação tão impossível, ele zangou-se e terminou com o primeiro e o quarto dedos do guarda da polícia.
O guarda ia-nos espicaçar, mas hesitou e deu-nos uma lamparina tal, que até ficámos a ver notas. Numa grande solidão fomos todos para a cadeia oculta.
Gonçalo Moreira, 6º A, Escola Dr. Costa Matos, prof Cristina Félix
Desafio RS nº 47 – 23 palavras obrigatórias!


Sem comentários:

Publicar um comentário