24/10/18

Vicente Almeida – desafio 130


Numa tarde de verão cheia de sol, apanhei uma espiga enquanto passeava na minha feliz aldeia. Estava muito calor e fiquei cheio de sede, por isso fui beber água à confeitaria Campo e pedi para fazer uma sande de fiambre e queijo. Continuei a caminhar e encontrei um grande amigo, mas fiquei aflito pois ele estava caído no chão, por isso eu fui ajudar e tive esperança que ele não estivesse muito magoado. Felizmente ficou tudo bem.
Vicente Almeida, 12 anos, Porto
Desafio nº 130 ― de espiga a esperança

Sem comentários:

Publicar um comentário