29/04/19

Grandes miúdos de hoje


Olá, primo, fiz-te esta carta porque soube o que aconteceu na semana passada, sobre teres sido expulso do Boavista.
Chego amanhã ao nascer do sol. Vou para te arrancar dessa confusão e tentar trazer-te para o Setúbal. Acorda para irmos treinar ao ar livre!
Nós precisamos de um ponta-de-lança e tu tens imenso jeito.
Mas antes, acho que deves ir pedir desculpa ao clube, ao treinador e aos teus colegas.
Até amanhã. Um abraço e cumprimentos,
Carlos
Carlos M., 6ºC, Escola Dr. Costa Matos, Gaia, prof Cristina Félix

Desafio nº 167 ― «chego ao nascer do sol»

Sonhava!
Sonhava enquanto a minha visão não desaparecia, a minha boca não fechava, o meu corpo não paralisava e a minha respiração não parava.
Apenas sonhava!
Sonhava enquanto escrevia o fim da minha história, a minha infância até ali, relembrando tudo aquilo que vivera, todos os livros infantis que lera e o que com eles aprendera. Refleti e percebi que a luta só estava perdida quando até o tempo se cansasse de correr.
Graças a eles, sobrevivi.
Catarina P., 7.ºC, Colégio Paulo VI, Gondomar - Professora Raquel Almeida Silva
Desafio nº 138 ― frase de Hemingway, dia do livro infantil

Sem comentários:

Publicar um comentário